terça-feira, 18 de janeiro de 2011



"Não pense em nada". Me lembro bem do sorriso que dei ao escutar isso.

Correr das idéias que nos impedem de ser mais.

- Já se deu conta de onde seu corpo te leva se você permitir?

Acordes invertidos.

3 comentários:

Guedes, disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Lins disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Guedes, disse...

como assim cara??
muitoo massa!
é uma espécie de monólogo, misturado com fluxos de consciência, ta bem clarice lispector .. curti mesmo. como sempre vc me surpreende.
forte abraço... e dá sinal de vida.
beeijo